Notícias

Relatório de monitorização do desenvolvimento e da actividade da RNCCI 2009

O relatório de monitorização do desenvolvimento e da actividade da Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados (RNCCI), referente a 2009, evidencia a execução do planeamento, a coordenação e gestão da Rede, analisa a referenciação e o seu circuito, a actividade e perfil assistencial, os resultados dessas actividades enquadrados na política de qualidade da Rede, os recursos e a actividade de formação.

Resumo de actividades realizadas pela UMCCI na área dos Cuidados Paliativos

Este relatório tem como objectivo apresentar as actividades realizadas entre 2006 e 2010, no âmbito da Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados (RNCCI), na área dos cuidados paliativos.

Relatório de monitorização do desenvolvimento e da actividade da Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados (RNCCI) – 1.º semestre 2010

O relatório de monitorização do desenvolvimento e da actividade da Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados (RNCCI) aborda a coordenação e gestão da Rede, inclui informação respeitante à referenciação, à actividade e perfil assistencial e apresenta os resultados do 1º semestre de 2010.

Sistema de Avaliação da Qualidade Apercebida e da Satisfação dos Utentes dos Hospitais do SNS – 2009

A ACSS, em parceria com o Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação da Universidade Nova de Lisboa (ISEGI- UNL), deu continuidade ao projecto de Avaliação da Qualidade Apercebida e da Satisfação dos Utentes dos Hospitais do Serviço Nacional de Saúde – 2009.

Relatório do Grupo Técnico para a Reforma da Organização Interna dos Hospitais

No âmbito da reforma dos hospitais, e sendo uma esta uma prioridade do governo, foi constituída uma equipa de 14 profissionais para elaboração de um relatório de situação, do qual resultou o documento que apresenta infra.

Financiamento e Classificação de Doentes: Grupos de Diagnóstico Homogéneos (GDH)

Esta publicação “Financiamento e Classificação de Doentes: Grupos de Diagnóstico Homogéneos” tem como principal objectivo homenagear Margarida Bentes, cujo trabalho de investigação “constitui uma referência no âmbito do financiamento hospitalar, no estudo, implementação e desenvolvimento de sistemas de classificação de doentes, na introdução dos grupos de diagnóstico homogéneos (GDH) em Portugal e na Europa e, do sistema de classificação em enfermagem, na prossecução de projectos e acolhimento de ideias novas”.

O Futuro da Saúde em Portugal

Esta publicação “O Futuro da Saúde em Portugal”, com prefácio de Ana Escoval e Manuel Delgado, reuniu um conjunto de reflexões, nas mais diversas áreas, sobre o futuro da Saúde em Portugal e contou com a colaboração de especialistas como Albino Aroso, António Rendas, Constantino Sakellarides, Daniel Serrão, Esaú Dinis, Francisco George, João Cordeiro, João Gomes Esteves, João Lobo Antunes, Jorge Simões, José Aranda da Silva, José Carlos Lopes Martins, José Pereira Miguel, Luís Pisco, Manuel Antunes, Manuel Sobrinho

Financimento Inovação e Sustentabilidade

O livro “Financiamento: Inovação e Sustentabilidade”, com o prefácio de Emílio Rui Vilar (Presidente da Fundação Calouste Gulbenkian), reúne os testemunhos de várias personalidades que se têm destacado nos domínios da economia, das finanças, da segurança social e da saúde em Portugal.

Este livro, foi editado em 2008 pela Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Hospitalar, com o patrocinio da Merck Saharp & Dohme.

Portugal Health System Performance Assessment

No âmbito de um protocolo de colaboração assinado, em 2008, entre o Ministério da Saúde de Portugal e a Organização Mundial de Saúde – Europa, esta organização elaborou este estudoque visou avaliar o desempenho do sistema de saúde português.

Sociedade da Informação e do Conhecimento - Inquérito à Utilização de Tecnologias da Informação e Comunicação nos Hospitais

O Instituto Nacional de Estatística publicou os principais resultados relativos ao Inquérito à Utilização das Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC) nos Hospitais, realizado entre Maio e Agosto de 2010. Trata-se de um inquérito bienal, iniciado em 2004, cujo objectivo é retratar a introdução das TIC nos Hospitais portugueses, nas perspectivas da cobertura, grau e finalidade de utilização das TIC.